Presença virtual: Esteja onde seus clientes querem te encontrar

A rotina é agitada e o tempo cada vez menor. Se você compreende isso, por que não usar de empatia para entender seu cliente?

É fundamental estar no lugar certo, no tempo certo. E, quando digo ‘lugar’ , não me refiro a uma estrutura física, com grande fluxo de pessoas ou até mesmo, uma localização privilegiada por facilidade de acesso. Na verdade, quero expor, neste meu primeiro artigo como colaboradora do café digital, que o ‘local’ certo talvez não seja literalmente um local.

Se você tem seu próprio negócio, ou pretende ter, sabe muito bem que os custos para manter um ponto físico são consideravelmente altos. No entanto, apesar de todo este investimento, talvez centenas de pessoas passem em frente à sua empresa diariamente sem sequer olhar para sua fachada. Pode ser que estejam concentradas em algum pensamento, apressadas para seus compromissos ou até mesmo distraídas com seus dispositivos eletrônicos. A verdade é que para atender a este público crescente, que cada vez mais, aparenta ter menos tempo, é necessário que você esteja onde eles querem te encontrar, exatamente no momento em que estão disponíveis.

Muitas vezes somos nós que passamos por inúmeras fachadas sem efetivamente enxerga-las. E, quando surge uma necessidade de compra ou contratação de serviço, recorrermos ao Google ao em vez de tentar forçar a memória em busca de estabelecimentos que, em algum momento de nossa vida, estiveram presentes em nosso trajeto. Por que não esperar o mesmo dos nossos clientes ?

É claro que não pretendo utilizar este artigo para diminuir a relevância de estabelecimentos físicos, afinal, reconheço a importância que eles tem. Na verdade, o que venho propor é que não se limite apenas a isso, afinal, a palavra ‘limitação’ não deve estar no vocabulário de um empreendedor que almeja alavancar seu negócio. Um ótimo exemplo do que estou descrevendo é a nova propaganda do Itaú. Quem não teve oportunidade, sugiro que assista, são curtos 30 segundos.

 

O exemplo acima simplifica bem o porquê da eficiências dos meios digitais: conforto. Poder acessar a qualquer hora e em qualquer lugar uma informação é um beneficio que a tecnologia nos estendeu que tornou-se habitual.  É isso que procuramos, então, é isso que devemos ofertar.

Se você ainda não está convencido de que o marketing digital é excepcional para sua empresa, considere estes dois motivos (logicamente existem muitos outros) para mudar de ideia:

1.A maioria dos clientes fazem pesquisas na internet antes de efetuar alguma compra:

Até mesmo aqueles que não compram pela internet, buscam informações sobre preços e qualidade antes de tomar uma decisão. E, se você não estiver incluído nos resultados desta busca, dificilmente será encontrado.

2.As ações de marketing podem ser controladas com muita precisão:

Existem diversas ferramentas de controle disponíveis para quem aposta no marketing digital. Por meio delas é possível mensurar a relação custo x beneficio de investimentos em cada campanha, que podem ser replicadas ou encerradas dependendo do retorno.

Portanto, se você ainda não está presente no mundo virtual, considere esta possibilidade como um requisito para expansão. Afinal, “a mente que se abre a uma nova ideia jamais volta ao seu tamanho original” (Albert Einstein).

Publicado em 28/09/16 no Café digital.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: